CHAMPIONS WOD

JOANA TOMÁS

BIO
icon kettlebell
WOD
icon speach message
ENTREVISTA
icon camera photo
GALERIA
Joana Tomás

BIO

Nome completo: Joana Isabel Leitão Matos Horta Tomás
Data de Nascimento: 02/04/1986
Altura: 1.74m
Peso: 70kgs
Residência: Vila Nova de Gaia
Box: N14 Crossfit
WOD preferido: Nancy
Atleta preferido: Samantha Briggs

WOD

50 Double Unders Unbroken
40 Wall balls 
30 Toes to bar
20 Burpee Over the Bar 
10 Cluster 
20 Burpee Over the Bar 
30 Toes to Bar
40 Wall ball
50 Double Unders unbroken

SCORE:

Existem 2 scores, o tempo do WOD + Soma da carga dos Clusters que tem de ser igual nas 10 Reps.

Joana Tomas Champions WOD

ENTREVISTA

1) Quem és fora do Crossfit?
Ser Personal Trainer ocupa a maior parte do meu tempo e é algo que gosto cada vez mais de fazer. Trabalho também com o Pilates e Mobilidade que são duas áreas que adoro e que quero explorar ainda mais para complementar o meu trabalho como treinadora.
 
2) Qual o teu ‘Super Poder’?
Manter-me minimamente motivada independentemente dos obstáculos que possam aparecer. Sejam eles lesões a dias loucos de trabalho, há sempre energia para treinar. 
 
3) Se só pudesses escolher 1 exercício para fazer para sempre, qual seria? Porquê?
Muito difícil isso, mas talvez os Clusters por serem bem completos!! E começarem com Squat cleans que adoro.
 
4) O que dirias ao/á …. de há 10 anos atrás?
Hmmm ‘Há aí um método de treino muito interessante chamado Crossfit, vê se vais explorar melhor isso’. Entre muitas outras coisas que não posso revelar aqui ahahhaha.
 
5) Qual o teu maior feito até hoje?
Desportivo??? Devem ter sido aqueles Ultra Trails de 42 Km que fiz em tempos, superei-me como nunca. Mas, talvez o maior seja eu não estar a competir há quase dois anos e ainda não ter batido em ninguém.
 
6) O que te passou pela cabeça quando ganhaste os PFG?
Quando ganhei em 2014 nem sei o que senti, estava tão maluca e maravilhada com tudo, era o primeiro ano que fazia Crossfit, tinha começado em Janeiro e estávamos em Novembro, foi espetacular, senti que era algo onde me ia dar bem e tinha encontrado o que queria fazer para sempre. A paixão mantém-se mesmo igual! 
Em 2017, foi uma tareia!! Tinha tido uma competição uma semana antes, onde ganhei e estava super motivada mas lembro-me de me olhar no espelho, numa ida fatídica à casa de banho do 12o “chichi” nervoso antes de um WOD e dizer “Não te vais aguentar minha menina”. Por isso quando ganhei foi um alívio, porque foi bem renhido e sofrido, teve um sabor especial, gostei muito dessa edição!!
 
7) Se fosses o Greg Glassman, mudavas alguma coisa no CrossFit? Se sim, o quê?
Não sou, e ele teve uma ideia brilhante! Fácil é falar e pôr defeitos ao que já está feito. Colocaria exercícios de rotação mas como, a metodologia se torna tão abrangente, podemos colocá-los se quisermos de uma forma ou de outra.
Infelizmente a maioria das pessoas não explora tudo o que há para explorar e as várias formas de chegar a um mesmo fim, sem serem apenas aquelas que a ‘Crossfit’ sugere ou impõe.
 
8) O que dizem os teus músculos?
“É tão bom treinar mas podes dar mais horas de descanso por favor??”

 

We are using cookies to give you the best experience. You can find out more about which cookies we are using or switch them off in privacy settings.
AcceptPrivacy Settings

GDPR

  • Cookies

Cookies

Ao utilizar o nosso site o utilizador reconhece o uso de cookies e tecnologias semelhantes para o melhoramento e customização do nosso conteúdo, análise de tráfego, partilha de publicidade e protecção contra spam, malware e utilização não autorizada.

By using our site you acknowledge the use of cookies and similar technologies for the improvement and customization of our content, traffic analysis, sharing advertising and spam protection, malware and unauthorized use.